quarta-feira, 8 de fevereiro de 2012

Resoluções para o IX Congresso do SindUTE/MG - PLANO DE LUTAS - UNIDADE CLASSISTA/INTERSINDICAL

PLANO DE LUTAS - AGENDA 21
 

1.      Contra a intervenção imperialista da OTAN no norte da África e no Oriente Médio.
 
2.      Apoio e solidariedade à luta dos trabalhadores europeus.
 
3.      Apoiar as ações da Associação Cultural José Marti em solidariedade a Cuba Socialista.
 
4.      Todo apoio ao Povo Palestino. Participação no Comitê Mineiro de Solidariedade ao Povo Palestino.
 
5.      Participação no Comitê Mineiro do Fórum Social Mundial. 
 
6.      Pela imediata retirada das tropas brasileiras do Haiti, total apoio aos refugiados haitianos. 
 
7.      Oposição Independente ao Governo Dilma.
 
8.      Contra a construção da Usina hidrelétrica de Belo Monte.
 
9.      Não ao Novo Código Florestal do Governo e ruralistas.
 
10.  Nenhum direito a menos! Avançar rumo a novas conquistas!
 
11.  Apoio e solidariedade às ocupações urbanas. 
 
12.  Pela aprovação do Plano Nacional de Direitos Humanos – 3.
 
13.  Por uma reforma agrária ampla e massiva.
 
14.  Não pagamento da dívida externa. Auditoria já!
 
15.  Redução da jornada de trabalho sem redução de salário!
 
16.  Em defesa do salário mínimo indicado pelo DIEESE.
 
17.  O SINDUTE-MG deve se posicionar politicamente no campo da OPOSIÇÃO INDEPENDENTE ao Governo Liberal-Conservador do ex-professor Antônio Augusto Anastasia. Anastasia, apadrinhado pelo senador Aécio Neves, representa em Minas a adoção do modelo neoliberal acrescido de elementos jurídicos de caráter fascista tendo como principal marca do seu desgoverno a subserviências aos interesses do Capital, a continuidade do Choque de Gestão e a criminalização dos movimentos sociais.
 
18.  Reestatização da Vale, CSN, e USIMINAS sob controle dos trabalhadores. O Minério tem que ser nosso!
 
19.  Participação do SINDUTE-MG na campanha O PETRÓLEO TEM QUE SR NOSSO! Os benefícios gerados pelas riquezas naturais e minerais do nosso subsolo devem ser revertidos em prol do desenvolvimento humano em nosso estado, um dos mais desiguais da federação. 
 
20.  Por um Plano Nacional de Educação que possibilite ampliar os investimentos em educação para 10% do PIB e constituir um sistema nacional de educação de elevada qualidade para todos.
 
21.  Por uma Educação Popular, laica e crítica.

Nenhum comentário: